Fechar menu

Educação | 18 Maio 2023

Workshop DVW Balayage


A beleza, ou antes a consciência e o cuidado com a mesma, remontam à história da própria humanidade, ou quase. Em matéria de coloração de cabelo, já Cleópatra deslumbrava com as suas mechas negras perfeitas, um tom poderoso conseguido com recurso a ingredientes naturais como o kohl e a henna, e que contribui para que se tornasse um ícone de moda, ainda hoje recordada. Avançamos no tempo, e a Rainha Isabel I de Inglaterra, coloca-se como mais uma referência de beleza, com os seus cabelos ruivos, lançando um padrão de beleza para a época e inúmeros ecos e tentativas – mais ou menos bizarras – de replicação. 

Neste momento, a técnica de coloração de cabelo como a conhecemos surge nos anos 1970, muito associada à cultura punk. Não só se verificou uma evolução nos produtos de coloração como do método utilizado, sendo que a única coisa estanque é o desejo de transformação da mulher.

Ora, a técnica de balayage (termo francês que significa literalmente varredela), que aliás já que falámos aqui, consiste na aplicação feita em mão livre com pincel, sem necessitar de utensílios como a touca de alumínio ou a touca para luzes.  Consiste, essencialmente, em recriar o brilho dourado que o sol dá ao cabelo durante o verão.

Com workshop DVW Balayage poderá conhecer os segredos desta técnica de coloração, uma das mais requisitadas pela cliente, e cuja essência se resume à palavra-chave naturalidade. Tal como os restantes cursos e workshops da Academia Lúcia Piloto, privilegiamos a componente de execução prática. Se é um profissional com sólida experiência na área da coloração e descoloração não vai querer perder esta oportunidade. E já agora, conhece as diferenças entre as técnicas ombré e balayage? E o significado de DVW? Fique para ver.
Post anterior

Philip Martin’s, porquê tão especial?

Próximo post

Dia Mundial da Criança no cinema

Os mais vistos

Topo